Segunda-feira, 29 de Dezembro de 2008

Cá se fazem cá se pagam

Afinal a minha afirmação foi ouvida por Deus.

Cá se fazem, cá se pagam.

Não costumo falar mal dos outros bem pelo contrário, falo sim das minhas convicções e estou amplamente aberto a discussão.

O que não posso tolerar são injúrias e utilização de palavras ofensivas para qualquer tipo de pessoa.

Cada bloguista pode e deve expressar-se livremente mas sempre com educação.

O que não aconteceu com um dos grandes mistérios do concelho de Abrantes, anónimo que no princípio até tinha uma linguagem aceitável mas que depois estragou tudo com ofensas verbais inapropriadas e ainda por cima, escondido atrás de uma máscara.

Tenho-o dito por diversas vezes.

Verifiquei há dias que o Zé da Cachoeira tinha-me adicionado novamente no seu blog mas deparei-me hoje com a seguinte informação:

O blogue foi removido. Lamentámos, mas o blogue em zedacachoeira-zedacachoeira.blogspot.com foi removido. Este endereço não é valido para blogues novos.

 

Estranho. Porque será?

Das duas uma, ou o Zé removeu o blogue por iniciativa própria ou mandaram cancelar o blogue.

Saberemos um dia? ou não. Digo isto porque as personagens ligadas ao blogue saberão encontrar outro caminho. O caminho da arrogância, da incapacidade de enfrentar os problemas e de opinar sobre isto ou aquilo.

 

Não o disse anteriormente, mas a verdadeira identidade do Zé da Cachoeira passa por um grupo restrito de personalidades ligadas politicamente com alguma influência no concelho e não só, e que tinham como arrais um indivíduo que a seu tempo será premiado pelo seu comportamento algo instável.

Já falei com ele por diversas vezes mas ultimamente não nos temos cruzado apesar dele frequentar bastante a minha freguesia.

 

Apesar do blogue ter sido retirado, outros blogues andam por aí e se repararem na linguagem utilizada, saberão descobrir quem está por detrás da tal máscara.

 

Uma pista: tem um blogue no blogspot e mais não digo. 

 

Quem será o Ze da Cachoeira, quem?

A título de brincadeira, fica aqui um desafio aos leitores.

Aceitam-se nomes ...

Quem quiser arriscar faça-no aqui em baixo em comentar 

Paciência, observação, sabedoria e muita inteligência.

À caça ao Homem, começou ... Boa Sorte. 

 

Nota Final:

Muito cuidado com aquilo que fazemos na vida, porque cá se fazem, cá se pagam.

E como dizia Voltaire:

Deus concedeu-nos o dom de viver; compete-nos a nós viver bem.

 

Um Bem Haja a todos.

sinto-me: Estranho. Quem sou eu?
tags:
publicado por riodemoinhos às 23:22
link do post | comentar | favorito
15 comentários:
De Zé da Amoreira a 31 de Dezembro de 2008 às 14:01
Era um dos muitos leitores atentos ao blog do Ze da Cachoeira, pois era a unica forma de estar ao corrente do que se passa actualmente nos bastidores da politica de abrantes, embora não concordando com alguma linguagem utilizada, fiquei a saber quem é "bicha" quem não é "bicha", quem é corrupto e quem não ó é, as cambalhotas de alguns "politicos" da nossa praça e muitas das coisas que o comum do cidadão desconhecia. Dizendo as verdades por vezes incomoda quem é referido, mas como diz o ditado "quem cala consente", é porque as verdades são para se dizer. Gostaria de tecer mais considerações ao excelente (fora alguns termos) trabalho exercido pelo Zé, mas para que não digam que o Zé sou eu, embora eu seja o Zé, espero que o Zé volte ou se saiba onde andará.
De riodemoinhos a 31 de Dezembro de 2008 às 17:52
Não vou comentar todas as opiniões mas quero dizer o seguinte:
O desafio de saber quem é Zé da Cachoeira é de facto importante saber à sua identidade para que os leitores possam entender à sua estratégia política.
Como disse anteriormente, o Zé da Cachoeira não é alguém isento e independente, bem pelo contrário, a sua finalidade é ajudar alguém ou o próprio a auto promover-se, dando tiros por tudo o que mexe.
Digo isso, porque se as pessoas afirmam coisas sem perguntar primeiro os contornos das decisões tomadas. E porquê? É muito simples porque, independentemente de ter ou não razão, quer simplesmente destruir tudo e todos de qualquer maneira.
Eu aceito criticas, não sou perfeito mais uma coisa faço, dou a cara pelos meus actos e opiniões pessoas.
O Zé da Cachoeira simplesmente conta as coisas a sua maneira, tem algumas opiniões correctas mas também exagerava em algumas, sobretudo nas opiniões dos outros, que para ele, nunca estão correctas.
Para alguém que quer o melhor para o seu concelho, acho estranho.
Se ele quisesse ajudar a mudar as coisas, basta apresentar-se, pedir desculpas e voltar a dar o seu contributo positivo dando a cara a tudo o que ele opina. Seria uma atitude correcta e poderia ajudar a lutar contra Nelson de Carvalho.
Tenho dito.
Bom Ano de 2009 para todos.
Nota: O meu horário de atendimento na Junta de Freguesia: Segundas das 17.30h - 19.30h e aos sábados das 17-19 horas a fim de ouvir, entender e se calhar concordar com os fregueses, também serve para trocar impressões, ouvir queixas, sugestões sobre a freguesia de Rio de Moinhos.
Presencialmente conseguimos falar e discutir mas escondido através da internet como cidadão não identificado, leva-me a concluir que muitas pessoas não sabem viver em Democracia.
Conheço a forma de actuar do Zé da Cachoeira (basta ver nestes comentários) ainda não aprendeu a lição de como deve opinar na blogosfera.
De qualquer maneira, os outros cibernautas sabem que podem contar comigo.
Fico à vossa espera.
De Zé da Amoreira a 31 de Dezembro de 2008 às 18:10
É natural que o amigo seja contra o Zé da Cachoeira porque ele denunciava as falsidades de alguns puliticus. Dando continuidade ao meu comentário, gostaria que o amigo me explique onde acaba o Sr. Rui André e começa a Junta de Freguesia de Rio de Moinhos, pois ao ler as suas intervenções, fico um pouco baralhado com essa dupla personalidade.
Volta Zé da Cachoeira porque mereces.
De Anónimo a 31 de Dezembro de 2008 às 18:35
Essa obsessão com a identidade do Cachoeira assim à moda do Texas, tipo "Wanted dead or alive" fica-lhe mal.

Quero lá saber quem é o Zé...mais importante era a fonte de informação que ali estava e que grande falta está a fazer.

De Não sou o Zé a 31 de Dezembro de 2008 às 14:30
O Zé da Cachoeira incomodava muita gente. Não havia ninguém que informasse tão bem como ele.
Só pecava pelo exagero das palavras, e tudo o que é exagerado...

Oxalá regresse,
"O Zé Faz Falta!"
De Carlos Alves a 31 de Dezembro de 2008 às 15:26
Não há dúvida que o Zé da Cachoeira era uma coisa extraordinária. Foi pena o seu desaparecimento. Através do Zé sabiamos as coisas que os jornais daqui não falam porque estão comprados pelo poder. Volta Zé estás perdoado e modera apenas alguns palavrões. Vamos todos formar o Clube de Fans Zé da Cachoeira, o melhor que aconteceu em Abrantes em 2008. Volta Zé e vamos dar cabo destes gajos todos.
De O Cidadão abt a 31 de Dezembro de 2008 às 15:46
Cá o Cidadão e sua vasta família subscrevem o que já foi comentado anteriormente e manifestam a sua solidariedade para com o "Zé da Cachoeira".! O Zé faz falta por cá, mas sem o calão! Era aí que ele "pecava" por defeito"!
De Também Sou da Amreira a 31 de Dezembro de 2008 às 15:54
Também sou da Amoreira mas infelizmente não sou o Zé da Cachoeira. Ontem à noite ouvi a Rádio do Tramagal falar da extinção deste blogue. Fiquei triste. Era um fanático deste blogue e até porque abordava muitas coisas da nossa Freguesia em especial a porcaria que é o actual presidente de junta. O Zé da Cachoeira estava muito bem informado sobre os problemas de Rio de Moinhos e agora não temos mais quem nos defenda. Por mim não queria que desaparecesse. Era fora de serie os truques que tinha para descrever de forma simples e clara tudo o que se passava na política do nosso concelho. Se realmente ele é da Amoreira só tem de merecer o nosso maior reconhecimento se não for merece na mesma. Bem haja Zé.
De Sinhozinho Malta a 31 de Dezembro de 2008 às 17:18
Com tantas manifestações de apoio ao grande Zé da Cachoeira, palpita-me que este homem (ou organização) vai ser um caso sério nas Autarquicas 2009.

Bora lá Zé, o povo precisa de ti!! Salva-nos deste marasmo!!



De Mário Antunes de Abrantes a 31 de Dezembro de 2008 às 18:45
Desculpem eu também vir aqui dar a minha opinião. Parece que agora todos os que escrevem são cachoeiras. Este senhor presidente da junta tem a mania da perseguição a ver pelos seus comentário. Será que o resto do executivo concordará com o que escreve num blogue que não é só dele? Dá-me a impressão que o Cachoeira é como as novas grelhas de televisão. deve vir para aí de novo para arrasar de vez. Por isso apelo à organização ou lá o que é que venha ainda com mais vontade de darmos a volta a isto. Força Zé! Sem ti não sadiamos NADA, era assim que escrevias não era?
De Mais um Riomoinhense a 31 de Dezembro de 2008 às 19:14
Em 27 de Dezembro não tinha ainda rebentado esta coisa do Zé do Cachoeira. Vejam o que o Luís António escrevia neste dia nos comentários a "Festa de Natal" sobre a mediocridade deste presidente que aqui temos. Pelo menos o Zé trouxe-nos para ribalta porque agora, à excepção da Câmara, toda a gente fala de Rio de moinhos e o senhor presidente desde que veio aquele fulano para a candidatura do seu partido (ele diz que é apartidário)foi silenciado e nunca mais falou em lado algum.
Se de mim depender, unirei esforços aqui pela freguesia para o regresso do Zé da Cachoeira.
O Zé faz falta, aliás muita falta para por este menino e outros meninos em sentido. É que o gajo é mesmo tonto de todo.
De Artur .) a 31 de Dezembro de 2008 às 20:29
Eu era um seguidor do Zé da Cachoeira, sequência de seguir o blogue de um outro amigo aí da zona em que faço questão de quando oportuno, comentar. Não sou daí, ando pelo mundo, no entanto o Zé incomodava os acomodados, denunciava o que o pode local escondia. Valia mais que todos os semanários regionais. O que destruiu o seu blogue foi com toda a certeza os termos menos próprios que ultimamente utilizava, daí o gestor o ter concerteza apagado, e, também por queixas! Pareceu-me mesmo muito mal um tal "Pico do Zêzere abt ter revelado um número de telefone que eventualmente o denunciaria. Bufo! E bufos há em todo o lado!
Mesmo como adversário político, esse senhor nunca o deveria ter feito! Chegou baixo.
Para o Zé ou organização vai o meu voto de solidariedade, um um bom ano de 2009. Essa solidariedade também se está a revelar pela chuva de comentários que lhe são favoráveis e lhe manifestam o seu apreço!
Pela parte que me toca, obrigado ZÉ DA CACHOEIRA, e regressa logo que poderes ou conseguires, mas não te esqueças que o que te apagou foi o asneiredo que foste utilizando! Para a próxima evita isso, que assim já não tem razão suficiente para te apagarem!
Artur .)
De Kouba a 1 de Janeiro de 2009 às 14:44
È verdade que faz falta alguma radicalidade na politica nacional,e esse Zé da Cachoeira veio trazer alguma.
Mas quando se começa a entrar nos insultos pessoais e muitas vezes a falar de cor , perde-se a razão toda.
Por isso esse "Zé" não faz falta nenhuma. Pobres de espirito já se encontram aos pontapés na politica nacional .
De Não sou o Zé a 1 de Janeiro de 2009 às 17:38
Amigo Kouba.
Você acha que isso é nome de gente ?. Eu com esse nome voltava para África, de onde nunca devia ter saído. Boa viagem sem regresso.

Comentar post

.A minha filosofia de vida consiste em caminhar até a verdade. O meu caminho, a minha experiencia dependem do meu futuro. De qualquer forma só vou atingir o grau mínimo quando estiver preparado para receber a chave do outro mundo ... do meu mundo... Oxalá

.posts recentes

. Mudança de endereço do bl...

. Magusto em Amoreira

. VESTIGIOS ARQUEOLÓGICOS

. Sr. Mota - última homenag...

. Cemitério de Rio de Moinh...

. São Martinho em Rio de Mo...

. Associação Juvenil Remoin...

. Convite aos cibernautas

. Sr. ÁLVARO SANTOS PEREIRA

. ASSOCIAÇÃO JUVENIL REMOIN...

.arquivos

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

.Novembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.pesquisar